Detalhe Notícia

20-09-2018
O que é ser-se cristão?

Os jovens aprenderam, no retiro juvenil de verão, que ser cristão hoje não é apenas ir à igreja, é ser igreja onde estiverem 

Ser cristão hoje. Ser cristão não é apenas ir à igreja, é ser igreja onde quer que cada crente esteja. Ser cristão é deixar Cristo viver através de cada um. Este era o tema e dois dos objetivos colocados no retiro juvenil de verão, estimulado pela Igreja Assembleia de Deus Pentecostal de Aveiro, que decorreu de 20 a 25 de agosto deste ano, no Campo de Escuteiros da Palhaça. 

O retiro contou com a presença de vários pregadores que abordaram a temática de fundo do evento – “Ser cristão hoje” – através de vários tópicos: a integridade, a vida devocional, o culto a Deus, a té e a razão, a defesa da fé, o serviço a Deus, a preguiça, o sobrenatural, a arte e a cultura.

No primeiro culto do retiro, as primeiras palavras do Pastor Abel Saraiva surgiram como uma incitação para que se prime pela integridade, vivendo com distinção nos valores do reino de Deus, pois ao ser-se íntegro nos pequenos detalhes, também sê-lo-á nos grandes!

Nos cultos e nos tempos devocionais, os jovens aprenderam, com base na Palavra de Deus, que ser cristão hoje é o mesmo que há 20 anos, mas numa sociedade que mudou; onde a base do cristão é a mesma de antigamente (Marcos 12:30), mas a prática do cristianismo tem de ser feita de acordo com as necessidades e a realidade dos dias de hoje. 

Com este pressuposto, os jovens aprenderam que ser cristão hoje não é apenas ir à igreja, é ser igreja onde estiverem.

No decorrer do retiro, os jovens presentes foram confrontados com a afirmação do Diácono José Araújo de que “Deus usa as pequenas coisas para as transformar em grandes, não havendo menores nem maiores no serviço a Deus”, enquanto os conduzia numa reflexão sobre o serviço a Deus, serviço este que poderia até ser anónimo, mas que nunca pereceria de reconhecimento aos olhos de Deus. 

 “Devemos atacar a preguiça na medida que ela ataca Cristo, pois a exigência que Deus coloca não é só no que temos feito, mas também em tudo o que temos deixado por fazer”, afirmou o irmão Samuel Guimarães, depreendendo-se, neste seguimento, que o maior desafio do cristão não é ler a bíblia, mas sim ser lidos por ela.

Sob a direção do Pastor Abel Saraiva e do Ir. Samuel Guimarães, este ano os jovens realizaram mais algumas atividades do que as que normalmente são feitas no retiro: foram à piscina, tiveram um atelier de culinária onde confecionaram as suas pizzas, tiveram um concurso de destreza bíblica e, para além disto, também fizeram um mural de bênçãos no refeitório (onde cada um escrevia algo que aconteceu de bom no retiro) e, na noite de terça-feira, tiveram a oportunidade de se juntarem por camaratas para falarem sobre mudanças que gostariam de ver concretizadas nos cultos das Igrejas onde congregam, baseadas naquilo que tinham aprendido.

“A cada retiro que passa não posso deixar de reparar no crescente estágio de dedicação, devoção, sede e fome de Cristo que os jovens não conseguem esconder, demonstrando que não vão para o retiro com o intuito de passar uma semana fora de casa, mas sim para que transformem cinco dias em mais um retiro singular e ‘fora de série’”, disse uma das jovens presentes neste retiro. 

Uma ideia e sentimento que foram corroborados por outra jovem, para quem“acima de tudo, esta semana foi um tempo muito abençoado na presença de Deus. A cada dia que passa, este grupo de jovens tem necessidade de estar mais perto de Deus e, por isso, o mover do Espírito Santo torna-se algo natural e as suas bênçãos são notórias em nós”.

Uma das jovens confidenciou que, em termos pessoais, um dos aspetos que mais a provocou e comoveu foi “a união na oração, buscando por cura, não para nós próprios, mas para outros. Sei que o que iniciámos não findará com o retiro. Deus anseia que continuemos a sair dos nossos lugares, a orar uns pelos outros e veremos a bênção descer e a ser derramada e o poder a subir”, declarou. 

Para finalizar, cita um excerto de um versículo que defende resumir o retiro: “E estes sinais seguirão aos que crerem…” – Marcos 16:17.

Podem ver a foto de grupo, clicando aqui.